ANTÔNIO CANDIDO faleceu na madrugada desta sexta feira, 12, aos 98 anos de idade. Tinha um carinho especial pela UNIFAE a qual concedeu longa entrevista em 2011. A primeira e única vez em que aceitou falar de sua vida pessoal. Este material se transformou em documentário exibido pela TV CULTURA no ano seguinte.
A morte daquele que é considerado o principal critico literário do Brasil causou consternação. Os principais veículos de comunicação do país noticiaram com pesar seu falecimento.
A UNIFAE se junta às homenagens prestadas, lembrando o carinho e as manifestações de amizade que o professor Antônio Candido demonstrou pela UNIFAE e por nossa região:

 

 

“Tenho uma felicidade na vida. Sou um homem de muitas cidades. Tenho muita pena das pessoas que são de uma cidade só. Eu tenho uma sorte danada: nasci no Rio de Janeiro, fui para Santa Rita de Cassia, Minas Gerais, terra do meu pai. Depois fui para Paris, em seguida para Poços de Caldas, terra da minha mãe e de meu avô. Adoro Poços de Caldas. Depois São João da Boa Vista, onde estudei. Uma cidade linda, bem cuidada onde fiz amigos que cultivei a vida toda…

 
Portanto não sei bem de onde sou: Rio de Janeiro, Poços de Caldas, São João da Boa Vista. Sou um apátrida.”

 

Clique aqui e acompanhe parte do documentário.